Vestida de si mesma

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2017


15h. 
Hora de se arrumar para o baile de Carnaval. 
Comprara os convites para 4 dias de festa há 3 meses e a fantasia já estava escolhida desde o último carnaval.
Tirou a fantasia do guarda roupa e colocou sobre a cama junto com uma peruca, meia-calça, sapatilhas e a maleta de maquiagem.
Olhou para a fantasia apertada, lembrou-se do uniforme que detestava.
Olhou para a sapatilha, lembrou que seus pés passavam o ano escondidos em um sapato de salto.
Olhou para a peruca, lembrou-se do cabelo cuidadosamente penteado para ir trabalhar e que escondia o volume pra não chamar atenção demais.
Olhou para a meia-calça, lembrou-se do calor infernal que enfrentava todos os dias no ônibus por conta da que usava.
Olhou para a maleta de maquiagem, lembrou-se dos 30 minutos de sono que perdia todos os dias se maquiando pra não ir trabalhar mostrando as olheiras e algumas imperfeições que a incomodavam.
Parou, cruzou ou braços e pensou: mas o que é o Carnaval se não a hora de extravasar o que guardamos durante todo o ano?
Olhou mais uma vez para a fantasia.
Desistiu. 
Calçou a sandália mais confortável que tinha, o vestido florido que amava, soltou os cabelos, passou somente um batom e saiu.
A fantasia não sumiria dali e amanhã ainda seria Carnaval. 
Hoje resolveu sair vestida de si mesma.

Seven days of me: um desejo para 2017

domingo, 26 de fevereiro de 2017


Último post do desafio/tag seven days of me e que orgulho de mim, minha gente! 
Como é bom a gente se dedicar a alguma coisa e conseguir cumprir não é? Tô feliz! 😍
Mesmo começando atrasada, cá estou sem desistir e com todos os posts feitos com carinho e sem correria alguma!
E vamos pro post em si.
Se for pra escolher um desejo pra 2017 direto e sem mimimi, escolho saúde.
Lembro de ouvir a minha avó dizendo que com saúde boa, a gente corre atrás do resto.
Mas a saúde aqui, no caso, não é só a física, mas também a mental. 
Quero a cura das feridas na alma principalmente, algumas que ainda doem e incomodam.
Mas tudo a seu tempo.
Quero saúde pra estar inteira na busca dos meus objetivos e sonhos.
É isso e que venham mais posts, mais desafios. Esse ano não vou deixar meu blog com poeira não!
Estou preparando algo pra Março e estou bem animada. 
Em breve conto lá na fanpage e no instagram! 💓

Seven days of me: 2 pessoas que me influenciaram


Acredito que nesse post eu poderia perfeitamente trocar a palavra influenciar por inspirar, mas quis ser fiel ao projeto e deixei do jeitinho que o idealizador colocou. haha 
Tantas pessoas me influenciaram e me influenciam a querer ser sempre alguém melhor. 
Parentes, amigos, professores, desconhecidos, inimigos que depois descobri que de inimigos não tem nada, pessoas que eu só falei uma vez na vida e depois nunca mais vi... 
Todo mundo sempre tem algo pra ensinar. Sempre.
E como faz pra escolher só dois?
Pensei em muitas algumas pessoas e decidi colocar as primeiras que vieram na mente: 

  • Meus pais: sim, vou trapacear um pouquinho aqui, mas não tem como não pensar automaticamente nas duas pessoas com quem mais convivi e mais aprendi e aprendo todos os dias. Sim, somos muito diferente, o que rende algumas discussões, mas eles são motivo de orgulho pra mim e sempre fazem o melhor que podem por eles, por mim e pra ajudar a todos. São um grande exemplo, sem dúvidas.
  • Flavia Melissa: quando comecei a me interessar por auto desenvolvimento, a Flavia foi uma das primeiras pessoas que eu encontrei. Tenho um carinho especial por ela, é uma pessoa linda por dentro e por fora. Está sempre nos doando luz, inspiração e amor a cada post que ela faz nas redes sociais. Não tem como não amar uma pessoa tão maravilhosa como ela. 

E você? Quem mais te influenciou ou influencia?

Seven days of me: 3 defeitos e 3 qualidades

sábado, 25 de fevereiro de 2017


Esse post me fez lembrar de entrevistas de emprego. Falar dos defeitos e qualidades nesse meio é meio batido, né? haha
Todas as vezes que me deparo com essa situação de falar de defeitos e qualidades fico pensando no quanto é tão mais fácil a gente falar dos defeitos do que das qualidades, né?
Parece que desde pequeno somos acostumados a olhar sempre para os nossos defeitos e falar das qualidades soa meio arrogante, sei lá...
Aprendi que não existem "defeitos", mas pontos que devemos melhorar. Acho que fica bem mais bonito e mais leve, mas bora lá para as duas listas:


  • (falta de) paciência: ah como eu tenho trabalhado isso diariamente, minha gente, mas olha, que dificuldade pra manter a calma em alguns momentos. Quero continuar melhorando essa questão, mas sinto que ainda tem tanto pra evoluir. Esperar é meio complicado pra mim algumas vezes. Mas pera lá né? Quem não perde a paciência com pessoas andando devagar na nossa frente pela rua? Mereço um desconto. 😇
  • teimosia: até que me provem que eu estou errada eu vou teimar e argumentar sim, seja com um amigo ou com o papa porque eu sou dessas. Mas o lado bom é que eu sei reconhecer quando erro e peço desculpas. Sou meio doidinha, mas sou um amorzinho às vezes, juro! 
  • déficit de atenção: eu me disperso bem fácilmente e começo a viajar sem mais nem menos. Em aulas, por exemplo, tenho muita dificuldade de prestar atenção nas pessoas falando, eu preciso estar anotando algo pra não dormir! haha


  • intuição: essa já até me rendeu o apelido de Mística. A verdade é que se eu cismo com alguma coisa pro bem ou pro "mal" dificilmente a bendita da intuição falha. E absolutamente todas as vezes em que não a ouvi, eu me ferrei e me arrependi.
  • empatia: uma coisa que tenho aprendido a dosar na vida é a empatia, e algumas vezes eu até exagero e preciso voltar pro meu centro pra não ficar sofrendo pelos outros.
  • rebeldia: desde sempre eu ouço "você é uma rebelde" e sempre com a conotação ruim, mas agora, depois de anos, eu sinto orgulho de ser chamada assim. Aprendi que o meu ser rebelde é simplesmente não ir pela cabeça dos outros, é ser sim a diferentona e, simplesmente, optar por aprender com meus próprias escolhas do que me arrepender por fazer o que alguém me disse que era o certo.

E você, também acha mais fácil falar dos defeitos do que das qualidades? De qual qualidade mais se orgulha?

Seven days of me: 4 coisas que gostaria de experimentar

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2017


Quantas coisas e ideias doidas cabem na cabeça da Viviane?
Vai saber...
Cada dia invento uma coisa diferente que quero fazer ou testar. Começo e termino algumas, e outras nem termino. Já experimentei até algumas aulas de Latim. haha
E das muitas coisas que sonho experimentar, aqui estão algumas nas quais mais tenho pensado esses dias:
 Viajar em um balão: nem me perguntem porque uma pessoa que morre de medo de avião ficou com essa vontade assim, sem mais nem menos. Não tem nenhuma explicação lógica. É mais uma dessas ideias piscianas certamente. 

Correr: digamos que eu já ensaiei algumas corridinhas, mas nada do que eu possa me orgulhar de fato. Correr é um sonho faz tempo. Sempre que olho as pessoas correndo pela rua ou mesmo os atletas, fico fascinada. É maravilhoso e parece trazer uma sensação de ser livre e romper todos os limites do próprio corpo. Um dia eu ainda vou conseguir, ah se vou!

Dançar: mas dançar de verdade, do tipo entrar em uma aula e simplesmente me matricular como qualquer um. Nunca tive coragem de entrar em uma escola, nem sequer pra dar uma olhadinha, mas acho tão lindo a leveza de algumas pessoas que dançam. É fabuloso demais. 

Desenhar/Pintar: há quem diga que é dom, outros que é treino. Bom, dom eu pareço não ter, mas já me aventurei em uma aula de desenho. E quero tentar de novo, até porque a aula foi uma frustração... diziam lá "aula de desenhos para iniciantes" e na primeira aula o professor já nos falou pra desenhá-lo. Minha vontade foi sair correndo! haha

E você aí, o que tem vontade de experimentar?

Seven days of me: 5 músicas da minha vida

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017


Numb - Linkin Park

É meio que uma identificação tanto com a música que um amigo falava que era "minha" quanto com o clipe em si. Por que?
Adolescência meio conturbada com idiotas rindo da minha cara: check. 
Se sentir excluída: check.
Buscar refúgio em alguma coisa: check. (é só trocar o desenho por textos. haha) 
É uma música especial demais, por vezes ainda me sinto a "diferentona", mas hoje o que mais me importa da é a parte: "All I want to do Is be more like me and be less like you".


Guardian - Alanis Morrissette

Ser aquela que sai entrando em tretas quando vê algo de mal pra acontecer com um amigo, parente ou até um desconhecido pelas ruas e até nos jogos online me rendeu o apelido de Guardian e um dia me mandaram essa música. Achei bem apropriada. 😎


It's my life - Bon Jovi

Quem me conhece sabe que todas as vezes que eu saio de casa é tipo esse clipe do Bon Jovi.
Nada sai como o planejado, amigos. Nada! haha
E eu amo essa música demais. A gente num vai viver pra sempre num é? Então vamos fazer valer o agora.
Eu sou um hobbit de 1,70 porque cada saída minha é uma verdadeira aventura.

Friday I'm in love - The Cure

Bastava chegar a sexta feira e o povo já começava a cantar essa música aí pra mim. Amo The Cure e essa música marca uma época bem engraçada da minha vida.


Paradise - Coldplay

Qualquer música que eu colocasse do Colplay aqui representaria uma que as pessoas lembram de mim quando ouvem. hahaha
Eu sempre ouço: "ouvi Coldplay e lembrei de você". 
E tem post especial aqui no Blog sobre a minha banda favorita da vida!


Como eu já tenho aqui no Blog o post mensal com 5 músicas que está atrasado e vai voltar esses mês, resolvi colocar 5 músicas que eu já ouvi que pessoas já disseram que eram minhas e acabaram se tornando algumas das centenas músicas da minha vida.
Pra mim tem sido maravilhoso associar momentos e pessoas a músicas. Mesmo que isso tenha me feito odiar algumas as vezes. haha

Seven days of me: 6 blogs que eu adoro

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017


O pequeno Lírio
Quando penso em blogs que adoro, ou canais, a Claudinha é sempre uma das primeiras pessoas que eu lembro. Não tem como não gostar do conteúdo que ela oferece pra gente e do cuidado e carinho que ela mostra em cada post ou vídeo. Tudo sempre lindo de viver!

Devaneios Vintage
Sabe quando a gente se identifica com alguém de cara? Foi assim com a Gabriela. Sempre que leio os posts mais pessoais penso: minha nossa que coincidência eu também penso assim. haha Adoro os posts do blog e sou fã mesmo, não nego.

Just Lia
Se não me engano é o blog que acompanho há mais tempo. Lia é como uma amiga da gente, fui acompanhando o blog crescendo, e ela se tornando uma pessoa cada vez mais querida por nós leitores. Quem acompanha sabe, não tem como não amar.

Ju Romano
Tem moda, tem beleza, tem tutoriais, tem textão puro amor, tem posts polêmicos e coisas de gente como a gente. Sou fã da Ju faz é tempo e ela é uma super inspiração sobre aceitação.

Casinha Arrumada:
Descobri esse blog faz pouco tempo e virou um dos favoritos. É daqueles blogs que aumentam a nossa wishlist, nos fazem sonhar com uma casinha linda e nos ensina coisas realmente úteis para utilizar em nossos dias.

Coisas de Diva: há muito tempo eu era a loka dos sites de beleza, mas fui notando que os que eu seguia estavam "tudo muito igual" sabe? E nessas horas a gente faz uma limpeza e fica com os que realmente moram no coração e nos que a gente confia de verdade. Adoro as meninas e o conteúdo sempre é maravilhoso, informativo e sincero.

Como é difícil escolher apenas 6 nessa blogosfera tão maravilhosa, né?
Todos os blogs que acompanho estão no Blogroll e vale dar uma bisoiada porque só tem gente linda por lá. 😍

E vocês? Quais blogs mais adoram?

Seven days of me: 7 fatos random sobre mim

terça-feira, 21 de fevereiro de 2017


Estava eu bisoiando o blog de uma moça la de Portugal, a Vanessa do Lets do nothing today.
Gosto bastante dos posts dela e faz um tempo que acompanho. Esta semana ela começou uma espécie de desafio que foi lançado pelo Jota.
É bem simples. 1 post por dia durante 7 dias com os temas indicados.
Bom, era pra ter começado ontem, dia 20, mas como a Vanessa começou hoje e convidou os leitores do blog a participarem e eu gostei bastante da ideia por ser uma Tag bem pessoal, decidi aceitar!
Pra hoje vou listar 7 fatos sobre mim:
  • Índia está no topo da lista dos países que um dia eu sonho conhecer. Sabe quando tem um lugar que chama a gente? Pois é. Bem isso.
  • Atualmente eu não tenho uma religião específica. Não sei se algum dia eu vou ter uma, vejo amor em tantas delas e, por enquanto, estou tentando absorver o que vejo de bom e posso aplicar na minha vida.
  • Descobri faz pouco tempo que sou alérgica a fumaça de cigarro. E antes de saber disso eu já odiava.
  • Tenho pavor de gente que grita ou fala alto. Chega a me dar nervoso só de imaginar. Gente, qual a necessidade disso???
  • Adoro comprar batons, mas quase nunca uso. Eu simplesmete esqueço! hahaha
  • Sou fascinada por elefantes. Eles são muito amor, não tem nem como explicar o que eu sinto. Tudo que eu vejo de elefantes eu quero comprar. Haja controle! haha
  • Amo estudar. Mas isso não tem nada a ver com escola e aqueles estudos cheios de regras. Eu gosto de aprender coisas de todos os tipos. O simples fato de aprender algo novo já me motiva.

E cá estão os temas dos próximos dias:
Espero que esse desafio eu consiga cumprir! São só 7 dias... não vai ser difícil!
Até amanhã! :D