Comida saudável sem terror

by - junho 17, 2019



Desde pequena eu fui chamada de "gordinha". 
A mais gorda entre os amigos, a mais gorda na sala de aula o que me rendeu vários apelidos que não vou colocar nesse post, mas quem passou por isso na escola sabe bem quais são.
E com isso fui a alguns nutricionistas, dos quais eu saí chorando algumas vezes. 
Eu lembro de não poder comer biscoitos e nem beber refrigerantes quando era pequena e todo mundo podia. Lembro também que esperava a semana toda pra poder beber o tal refrigerante que a bendita médica simplesmente proibiu (só podia aos domingos).
Lá com meus 7 a 9 anos a única explicação pra não comer coisas que eu gostava era simplesmente que eu iria engordar ainda mais e na minha cabeça teria mais apelidos e iriam rir ainda mais de mim. Cresci acreditando nisso.
Eu tinha que comer coisas saudáveis pra ser magra como as outras crianças da minha idade. Só que elas não comiam as coisas saudáveis, elas comiam o que eu queria comer e não podia.
Comidas saudáveis pareciam mais uma punição do que algo que beneficiaria o meu corpo.
Não estou falando pra você se entupir de doces ou deixar seus filhos pequenos comerem tudo sem medida alguma, mas vá a profissionais que amam o que fazem e que saibam como ensinar o prazer real da comida ao invés de semear culpa e cortar tudo da alimentação de alguém com uma dieta pronta saída de uma gaveta que desconsidera seres humanos e nos trata como um padrãozinho.
Dia desses vi uma criança magra dizendo que não podia comer um doce para não ficar gorda.
Aí eu fiquei me perguntando: o que diabos estamos falando e fazendo com as crianças?
A informação é uma benção, mas quando disseminada de forma impensada é um lixo dispensável que só causa terror.
As pessoas dizem que a gente não pode comer isso porque faz mal, porque causa x números de doenças querendo promover o consumo de alimentos saudáveis por meio do caos e do medo.
E novamente me questiono sobre o que é mais saudável: um prato de salada que poderia ser maravilhoso, mas a gente come por medo de ficar doente ou gordo ou um pedaço de torta que a gente come feliz e sem culpa?
Pela minha experiência acredito no equilíbrio e demonizar as coisas não é um bom caminho para nada saudável.

continue na Trilha

0 comentários

Me diz o que você achou desse post? :D